Guerrero é suspenso por mais oito meses e está fora da Copa


O atacante peruano Paolo Guerrero, do Flamengo, está fora da Copa do Mundo 2018. O jogador foi suspenso por 14 meses pelo Tribunal Arbitral do Esporte, da Suíça, e não vai poder comparecer à competição na Rússia.

Não cabe mais recurso da decisão. Como já cumpriu seis meses da suspensão -que antes era de um ano, mas foi reduzida-, o atleta agora fica sem atuar até o ano que vem e, com isso, não deve mais defender o Flamengo, já que seu contrato acaba em agosto. 

Teste antidoping realizado por Guerrero após jogo contra a Argentina, válido pelas Eliminatórias para a Copa do Mundo de 2018 e disputado no dia 5 de outubro do ano passado, denunciou a presença de benzoilecgonina, metabólito presente na cocaína.

A contraprova também deu positiva, o que fez com que o centroavante fosse acusado de descumprir o regulamento da Fifa.

A principal estratégia da defesa era uma contaminação cruzada com folhas de coca através de chá antigripal ingerido pelo camisa 9 antes do jogo contra a Argentina.

O jogador foi um dos destaques de seu país nas eliminatórias para o Mundial, na volta do Peru à Copa após 36 anos.

Os peruanos estão no grupo C da competição ao lado de França, Austrália e Dinamarca.

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.